Observação de Aves na Madeira Birdwatching

by Wind Birds on 11/13/2009

Apesar do Arquipélago da Madeira não estar incluído nas rotas de migração das aves, este conjunto de ilhas oferece excelentes condições para os birdwatchers, não só em termos de espécies nidificantes mas também de migradores e visitantes regulares.

Na Madeira nidificam regularmente 43 espécies que são de grande importância uma vez que 19% são espécies e subespécies endémicas da Madeira e 37% endémicas da Macaronésia.

A ilha da Madeira tem três espécies endémicas, o Pombo TrocazColumba trocaz, o Bis-bis Regullus madeirensis e a Freira da Madeira Pterodroma madeira e ainda 6 espécies restritas à região biogeográfica da Macaronésia: Freira do Bugio Pterodroma feae deserta, Corre Caminhos Anthus berthelotiiCanário da Terra Serinus canaria, o Andorinhão-da-serra Apus unicolor, o Pintainho Puffinus baroli e o Roque de Castro Oceanodroma castro.

Para o arquipélago da Madeira estão definidas 4 ZPE’s (Zona de Protecção Especial): a Laurissilva, o Maciço Montanhoso Central, as Ilhas Desertas e as Ilhas Selvagens e ainda 8 IBAS (Important Bird Areas): a Ponta do Pargo, a Laurissilva, o Maciço Montanhoso Central, a Ponta de São Lourenço, as Desertas, as Selvagens, o Porto Santo Oeste e os Ilhéus do Porto Santo.

Uma das características mais importantes ao nível da observação de aves neste arquipélago é o elevado número de subespécies endémicas – 6 exclusivas da Madeira e 13 comuns às ilhas da Macaronésia. Para alguns observadores de aves, os principais pontos de interesse são os azulados Tentilhões Fringilla coelebs madeirensis e as mais escuras Coruja das Torres Tyto alba schmitzi e Lavandeira Motacilla cinerea schmitzi.

Mas as aves marinhas são a maior atracção para os birdwatchers, pois neste arquipélago ocorrem varias colónias com elevada importância a nível mundial. São 8 as espécies de aves marinhas que nidificam das quais destacamos as raras Pterodromas (P. madeira e P. feae) e as espécies e subespécies da Macaronésia como o Pintainho Puffinus baroli, o Roque de Castro Oceanodroma castro, o Patagarro Puffinus puffinus e o Calcamar Pelagodroma marina hypoleuca, estando esta ultima espécie confinada às ilhas Selvagens.

Os mares do arquipélago da Madeira possibilitam ainda a observação de algumas espécies de aves marinhas visitantes como por exemplo a Pardela-de-barrete Puffinus gravis, o Casquilho Oceanites oceanicus ou a Alma-de-mestre Hydrobates pelagicus.

No comments yet.

Write a comment: